outubro 25, 2012


Procuro percorrer jardins floridos, caminhos pacíficos e campos arejados. Procuro lugares mágicos com aroma a felicidade e que saibam a tranquilidade. Lugares que me deixem livre de preocupações e pensamentos menos bons... É o que sempre procuro, mas nunca encontro. Vejo apenas caminhos frios, cinzentos, sem vida. Onde a escuridão me faz correr, sem olhar para trás. Onde a desconfiança reina e a insegurança se instala aos poucos. Os jardins não são floridos e no lugar dos campos vejo florestas repletas de olhares e palavras que gritam desconforto, derrota. São caminhos sem fim. E eu continuo a correr. Mas as forças não duram sempre...

Publicações Relacionadas

19 Comentários

  1. não, as forças não duram para sempre.

    ResponderEliminar
  2. está lindo, adoro a tua maneira de escrever. mas, parece estar um bocadinho triste, princesa
    espero que esteja tudo bem

    ResponderEliminar
  3. acredita! este texto está lindo, apesar da tristeza que ecoa nestas palavras.

    ResponderEliminar
  4. Obrigada, doce, espero melhorar!
    Tens de continuar a procurar, tu és forte :)

    ResponderEliminar
  5. O caminho pode ser longo e as forças podem não ser infinitas mas nunca desistas, há sempre algo um bocadinho mais à frente que nos faz acreditar que tudo é possível se encararmos as coisas de cabeça erguida*

    ResponderEliminar
  6. A delicadeza das tuas palavras torna-se cativante, é bom, muito bom, quando se pode ler alguém que para além das letras, fala-nos de sentimento. Gostei muito.
    Um Beijinho :)

    ResponderEliminar
  7. - eu não tenho razão, eu vim a mais...

    ResponderEliminar
  8. não duram mesmo mas desistir nunca o faças. gostei muito, está lindo.

    ResponderEliminar
  9. muito obrigada querida, é bom saber que existem pessoas que gostam do nosso trabalho.

    ResponderEliminar
  10. Nao Tens de que querida :)
    è muito cansativo :x

    ResponderEliminar